30 ago, 2017 Dicas da semana

O trabalho caiu na rotina, o que fazer para motivar a equipe?

Nem toda rotina é ruim. Muitas vezes práticas habituais podem ser saudáveis e produtivas dentro de uma empresa. Quando isso acontece, o ideal é que tudo seja mantido e se possível aprimorado.

Porém, existem rotinas que podem desestabilizar um departamento inteiro. A correria do dia a dia é uma das principais causadoras de instabilidades sucessivas. Trabalho acumulado, tempo escasso, má gestão, são alguns fatores que compõem uma rotina improdutiva e que prejudica a equipe ou um funcionário individualmente.

Para evitar que uma rotina ruim prejudique, a liderança pode incentivar pausas durante o dia. Pausas para um chá, café ou para um alongamento favorece a oxigenação no cérebro e pode render mais ações criativas e motivadoras.

A liderança também pode propor o job rotation. Essa prática propõe pequenas trocas de lugar e de setor, por curtos períodos de tempo, para aquele profissional que precisa de novos ares. Além de dar uma oxigenada na rotina dele, o job rotation permitirá que ele aprenda novas coisas para, quem sabe, sugerir melhorias e inovações aos demais setores da empresa.

É importante estar atento as maneiras que as atividades se desencadeiam e forma que as atitudes dos profissionais acontecem. Elas podem indicar quando um departamento está numa rotina prejudicial e é um sinal para que a chefia adote uma postura de mudança.